segunda-feira, 1 de abril de 2013

878 - Soneto por versão oficial

Alá um cara protestando contra a Democracia. Suicida ele!

Os mortos e os presos assassinados
Que, para a convencional laia tirana,
Tiveram isquemia, mesmo enforcados,
Ou se suicidaram e assim os explana.

Para os jornais pondo por avisados
Os que vierem ter essa ideia leviana
De tentar algo contra os abnegados
Milicos. Preferem a ditadura cubana?

Comunistas! Os próximos serão vocês
Que de comuna só terão um polonês,
Corredor, e nós a fazermos as carícias.

E quem falar que isso é despotismo,
Juntamos a vocês. Só o comunismo
Mata a oposição. Não lê as notícias?

Francisco Libânio,
01/04/13, 12:58 PM
Postar um comentário