quarta-feira, 10 de abril de 2013

921 - Soneto da rima que viaja

Escolhe mal e ó...

Ser comedor, em que avantaja
O homem? Aquele que corteja
Só a prática nessa arte o caleja,
Só o sucesso que o encoraja.

Quanto ao resto, deixe que aja
O tempo e o que bem enseja
Seu sortilégio. Caso role igreja
E se for de boa cepa a gaja

Não se desespere nem aflija
A moça. Caso valha, transija
E não deixe partir a dita-cuja.

Caso não e for da que aloja
Mãe e tia na casa e despoja
Seu pão, não filosofe. Fuja!

Francisco Libânio,
10/04/13, 11:36 AM
Postar um comentário