sábado, 6 de abril de 2013

901 Soneto tentador

Difícil só olhar...

Eu, que já falei sobre pecado
Nesses sonetos, deixei pra lá
Pior parte do processo que há
E que ao vencer põe ferrado

O cristão, o crente, o batizado.
Antes do mal próprio nos virá
A tentação que, insidiosa, fará
O sujeito tomar o lado errado

E pecar fazendo grande merda!
No inconsciente, que essa perda
De controle bate e faz confessar

Além do pecado dado, o esquecido
Aí que a tentação acusa o bandido:
Esse pecado, nunca iria sugestionar.

Francisco Libânio,
06/04/13, 9:54 AM
Postar um comentário