sexta-feira, 29 de março de 2013

861 - Soneto abacalhoado

Não me apetece, mas...

Sexta-feira santa, por excelência,
O prato do dia é o bom bacalhau.
Tê-lo à mesa pede um dado grau
Financeiro. Só que a eminência

Do peixe e a notável preferência
Fazem que se suba outro degrau,
Aperte o cinto sem se fazer mal.
Uma vez por ano não dá falência.

Há outras opções, um tucunaré,
Água doce, mais barato e dá pé,
Uma tainha bem feita nada deve

Ao rei da mesa na semana santa,
Mas, em tradição, nada suplanta
O salgado do ensopado bem leve.

Francisco Libânio,
29/03/13, 9:18 AM
Postar um comentário