quinta-feira, 7 de março de 2013

792 - Soneto laico

Porque pra muita gente, isso é o sonho.

Futebol, política e religião não se discute?
Certo, mas, acho também não se mistura.
Cada um fica na sua e cabe à sua figura
E se quiser defende-lo, cada um que lute

Na sua esfera em que se debate e incute
As razões. Mas politizar fé com um cura,
Um pastor para fazer valer na cara dura
Ou na porrada a sua fé merece um chute

Na cara e pra fora do cargo que ocupa.
Quer pregar palavra? Chispa, desocupa!
Pega sua cadeira política e cede o lugar.

Mas pastor fica fazendo política a favor
Da sua Igreja disseminando ódio e rancor,
Não discute sua fé, Usa-a para violentar.

Francisco Libânio,
07/03/13, 7:52 PM
Postar um comentário