quarta-feira, 12 de março de 2014

1544 - Soneto do tuiuiú

Beleza não é tudo!

Pernalta, magrela e de cabeça
Preta, o tuiuiú sabia: A beleza,
Na Criação, foi de tal avareza
Com ele, mas não se estressa.

O feio também tem impressa
Sua fama. E ele e sua realeza
Pantaneira veem que os preza,
O público, Assim, em confessa

Vaidade, o tuiuiú posa modelo
Para câmeras e seu voo, belo,
Chama pra si gosto e atenção.

Se não cantava como o uirapuru
E se era justo o nome de jaburu,
Tudo bem. Garantida sua menção.

Francisco Libânio,
11/03/14, 9:11 AM
Postar um comentário