segunda-feira, 18 de novembro de 2013

1288 - Soneto jogado

Uma deusa!

Escrevi um soneto que não serviu,
Não foi lido, não causou um furor,
Uma polêmica e recebeu a maior
Desconsideração que alguém viu.

E soneto que não serve, dou covil
Ou releio ou o pinto com outra cor,
Promovo, escandalizo pra dar valor
E ainda assim, o soneto não evoluiu.

Ficou o soneto ruim, outro de tema
Mulher linda negra, farta, uma gema
De beleza pro Francisco ignorado.

Qual o problema? Isso é preconceito!
O tipo estético que vejo por perfeito
Sigo sonhando em ter ao meu lado.

Francisco Libânio,
14/11/13, 12:38 PM
Postar um comentário