sábado, 5 de abril de 2014

Poema de fuga 15

Nem sempre é bom saber tudo.

Minha intimidade
Não abro a ninguém
Nem dou liberdade
Para ver o que ela tem,
Mas essa proteção
Tem também seu preço.
Dessa minha intimidade
Te muita, muita coisa
Que nem eu conheço.

Francisco Libânio,
04/01/14, 11:40 AM
Postar um comentário