sexta-feira, 25 de abril de 2014

1628 - Soneto do encontro às cegas

Tudo pode acontecer.

Marcaram de se ver num bar.
Conhecer, diziam, não, pois já
Se conheciam bem desde lá
Quando começaram a se falar.

Nunca se viram e esse lugar
Movimentado e da moda será
O início de uma fase. Chegará
Ele primeiro. Pontual, exemplar.

Ela demora tipo em casamento.
A ideia má, o desapontamento
Invadem, mas em outra mesa

Uma moça espera. Não sabe,
Mas é ela. Ele vê, não se cabe
E a paquera. Trai com sutileza.

Francisco Libânio,
17/04/14, 9:03 AM
Postar um comentário