sábado, 15 de fevereiro de 2014

1494 - Soneto com toque de realidade

Eu tô de boa, pode ficar tranquilo.

Poeta, e esses sonetos cheios
De sentimento, como tá o peito?
Está bem, eu é que tenho feito
Sonetos sem pôr tantos arreios,

Pôr doçuras e outros recheios
Para ser soneto mais perfeito
E ficar um pouco mais estreito
Com o passado, mais floreios

Sentimentais, nada que em mim
Se passe. E com isso dou fim
À explicação da minha atual lira.

Quem me pergunta se contenta
Com a resposta e nem comenta
Nada. Sabe que isso é mentira.

Francisco Libânio,
13/02/14, 9:08 AM
Postar um comentário