quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

1486 - Soneto com meditação

Oooooomeeerda!

O sol da manhã é um aviso
De nova vida que começa.
De uma esperança expressa,
De fé e de novo improviso.

A manhã é o instante preciso
Para poder arejar a cabeça,
Ter cinco minutos sem pressa
E afastar de qualquer siso.

O dia começou e a semana
Também e a luta pela grana
Que não tem, ônibus lotado,

Encheção de saco do patrão,
Aquele cretino sem educação
E você vê e já está atrasado.

Francisco Libânio,
10/02/14, 8:18 AM
Postar um comentário