sexta-feira, 16 de agosto de 2013

1191 - Soneto solteiro

Parabéns a nós.

Estar solteiro é tão duro ofício
Que a solteirice diz quase nada
Pois ou se caça uma namorada
Ou a solteirice vira mau indício

De que o dito falta ao exercício
Com o sexo oposto e a piada
Acaba quando a cada cantada
Uma vítima. Quase meretrício,

Verdadeira festa é a solteirice
Dos que são dados à gaiatice,
Mas este poeta, atual solteiro,

Não vive esse clima de bacanal,
Até queria achar sua alma igual
Pra viver junto o tempo inteiro.

Francisco Libânio,
16/08/13, 12:43 PM
Postar um comentário