sábado, 10 de agosto de 2013

1178 - Soneto blindado

Diante dos fatos, ou eles mentem ou eles tergiversam. Canalhas.

Quando se fala e se discute
E a imprensa faz a egípcia
Ou ocultando a dada notícia
Ou quando vem e repercute,

Faz mal. Nomes dá no chute,
Esconde algo, usa de malícia
Ao ocultar coisa sub-reptícia
Dos amigos. E nunca impute

A algum deles culpa. Se a há,
Esconda, disfarça, deixe pra lá
Chapa do jornal será um santo.

A honestidade e imparcialidade?
É marketing, mas bate a verdade
E pros deles tem sempre manto.

Francisco Libânio,
10/08/13, 5:30 PM
Postar um comentário