terça-feira, 18 de junho de 2013

1068 - Soneto extravasado

Que saiba o que está fazendo nelas.

O povo na rua é a coisa mais linda
Que pode haver numa liberdade,
A voz das gentes que à rua invade
Sempre foi e só será bem-vinda.

A manifestação demais nos brinda,
A indignação é prova de identidade
De quem não suporta a tal realidade
Acuando a outra banda na berlinda,

Mas quem compõe a outra banda?
Contra quem a indignação manda
Seu recado? Quem merece a vaia?

Sair por aí protestando é excelente,
Mas é preciso fazer isso consciente
Para fazer com que o inimigo caia.

Francisco Libânio,
18/06/13, 9:47 AM
Postar um comentário