sábado, 23 de junho de 2012

0248 - Soneto Sedentário


Sábado de sol, comecinho
De tarde. Ótimo pra pegar
As pernas e então esticar
As mesmas, dar um carinho

À saúde. Olha que caminho
Bom de se fazer: Chegar
Ao fim do Parque, lugar
De onde se volta. Rapidinho!

Curtir esse sol de dia frio
Lagartear, dar vazão ao cio
De viver o mundo lá fora

Viver o mundo? Não fode!
Cada um o vive como pode
Quer andar? Pois vá embora!

Francisco Libânio,
23/06/12, 1:08 PM
Postar um comentário