sexta-feira, 7 de setembro de 2012

0430 - Soneto de gozação na eleição

Como o nobre eleitor pode ver, opções não faltam.


Kiko, Seu Madruga e seu Barriga
Na ala de personagem genérico,
Tem os que são o tipo periférico
Que enfrentam todo tipo de briga

Tem também aquele que castiga
O português, que tem ar histérico,
Tem os com um projeto homérico,
Os que se anunciam com cantiga,

Com paródia, um jingle que invade
Mas o pior tipo é a subcelebridade
E desses a eleição está mais cheia

E fora, ou não, do mundo artístico
Todos fazem um bom humorístico
Despertando muita vergonha alheia.

Francisco Libânio,
07/09/12, 8:17 PM
Postar um comentário