segunda-feira, 3 de setembro de 2012

0412 - Soneto gaúcho

Ao fundo Porto Alegre. À frente o LAGO Guaíba (e não rio como dizem)

Próximo ao Uruguai e à Argentina,
Cujos de tais pagos são os ditos
Gaúchos, por serem circunscritos
Nesses pagos assim se determina

Gaúcho os dessa pampa platina,
Mas brasileira. Hábitos bonitos,
História bravia, bravos conflitos
Que ao resto do País pouco atina

Talvez daí venha algum rancor,
O apego ao pampa, esse amor
Que põe o Rio Grande primeiro

E o país depois. Desnecessário,
Já que num mosaico tão vário
O de lá não é menos brasileiro.

Francisco Libânio,
03/09/12, 12:30 PM


Postar um comentário