sábado, 18 de abril de 2015

Poema de fuga 30

Instintivamente,
Eu olhei as pernas
Até a bermuda curta
E imaginações eternas.
Depois andei pra frente,
Outro olhou e desejou
E fez fato o que imaginou
Sem autorização
Com tirania e devassidão.
Pior: Depois me citou,
Falou que foi instintivo,
Mas eu só a olhei e segui.
Em nenhum instante e instinto
Fui violento ou invasivo.

Francisco Libânio,
05/04/14, 11:11 PM
Postar um comentário