sábado, 25 de maio de 2013

1019 - Soneto surrealizado

É difícil resistir.

Encontro no escritório a secretária
Bonita cheinha, bem a meu gosto.
Ela com um sorriso bem disposto
E malícia até então desnecessária.

Mas quando vejo tal indumentária,
O escritório, o risco de ser exposto
E descoberto já nela me encosto,
Toco-a e dispo essa doce operária

Urbana de salas e vivo esse fetiche
Deixando que a inspiração capriche
Até o momento surpresa, o inglório

Encontro da chefa da minha amante
Que, para nos perdoar tal flagrante,
Quer participar da festa no escritório.

Francisco Libânio,
25/05/13, 12:25 PM
Postar um comentário