segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Série Mulheres - A uma Gueixa


Extraído de http://members.fortunecity.com/kaywyne/graphics/oriental_theme/thumbnail.jpg

Como um vaso, uma especiaria oriental
Tens a delicadeza rara e um quê exótico
E mirar este olhar amendoado e hipnótico
É se perder em ti e curar de todo o mal

Que nos transmite nosso viver caótico.
Ao tocar-te a pele de seda, tu, vestal
Do amor, retribuis seduzindo tão natural
Com teu toque leve e teu fogo óptico.

E como não te amar ou não sucumbir
Aos encantos de tamanha maestria
Em quem na doçura acaba por seduzir?

Não és gueixa? Elas não existem mais?
Não digas isso, pois há uma fatia
Delas em todas mulheres orientais.

Francisco Libânio
14/01/08
10:54 PM
Postar um comentário