quarta-feira, 30 de julho de 2014

1731 - Soneto do namorado mais novo

Muito a aprender.

Esse menino que você apresenta
Como seu namorado até assusta.
Se a idade, acaso, não se ajusta
E se a diferença na cara aparenta,

O namoro além delas se sustenta,
Você, parecendo a mulher vetusta,
Ele, bebê rosado de face robusta,
Têm no diferir a paixão opulenta

E sincera. Você com ele aprende
E ele a ensina enquanto se rende
Ao charme maduro que é só seu.

E mais a diferença, quando juntos
Não atrapalha os demais assuntos,
É só número e isso se estabeleceu.

Francisco Libânio,
06/07/14, 1:33 PM
Postar um comentário