terça-feira, 22 de julho de 2014

1720 - Soneto do irmãozinho do namorado

Duas crianças.

Namorado e irmão mais novo, maçada!
Ele adulto, trabalha, tem compromisso,
Até fala de casamento sem forçar isso,
Pensa em casa, em família, na esperada

Prole, mas o moleque, é alma atentada,
Curte futebol e adora armar um rebuliço,
Foto de mulher na Internet, é um maciço
Peralta com a malícia pra lá de atacada.

Ou é isso ou é video-game ou joguinho
On line, seriado, shopping ou um vinho
Contraventor com os amigos e a ânsia

De ser adulto e não o pivete adolescente.
O ruim é quando se veem e, de repente,
O irmão leva o namorado à sua infância.

Francisco Libânio,
28/06/14, 10:26 AM
Postar um comentário