quarta-feira, 23 de outubro de 2013

1239 - Soneto que achou a beleza

É o que há de melhor.

Gordinhas são mais sexies ou mais
Bonitas? Não digo isso, generalizo,
Dou por unânime, mas num preciso
Caso, o excesso traz prazeres tais

Que, admito, as musas esculturais
Ou até imitam bem num improviso
Ou são incapazes de forjar paraíso
A dois. A beleza da mídia é demais,

Não nego, há as deusas do Olimpo
Entre as tais musas, basta garimpo
Que uma se destaca entre as tantas.

Mas as cheinhas, nelas há a forma
Renascentista a violar a vazia norma
E um charme extra sob as mantas.

Francisco Libânio,
23/10/13, 2:59 PM
Postar um comentário