sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

10 - A cama nos chama. Os corpos frementes


Extraído de http://www.atribunamt.com.br/wp-content/images/imagens_do_dia/14-03-07/Casal%20na%20cama%20-%20cor1.jpg


A cama nos chama. Os corpos frementes
Medem-se e ouriçam-se na irrefreável
Dança e do fastio remediam-se em amável
Conjunção em caloroso abraço e ardente

Beijo. Deitados somos uma inseparável
União de corpos. Sinto o teu roçar e sentes
O meu se instalar em ti. Oh, quão envolventes
Nossos atritos e como este aroma agradável

De mulher em teu corpo me enlouquece!
E é um no outro, satisfeitos e acomodados,
É assim que meu corpo o teu conhece

Amando cada pedaço de pele, este condado
Teu, cedido em troca do peito que te aquece,
Será doravante e pela vida meu lar amado.

Francisco Libânio
18/02/09
4:51 PM
Postar um comentário