terça-feira, 29 de maio de 2012

0164 - Soneto para Anna Júlia dos Los Hermanos


Você nunca ficará com ela, meu chapa,
Por mais que a ame, mais que te doa
Vê-la passar por você assim numa boa,
Ela é durona, é linda, mas ela escapa,

Para você, meu bom, sobra nem a rapa
Do lindo olhar, do carinho da pessoa
Que você mais ama, mas que te ferroa
No coração um espinho. Você é etapa

Passada na vida dela. E vai vir um cara,
Esse sujeito sem carinho, e com a clara
Intenção de te jogar de vez numa vala

Comum, já que você nunca foi o sonho
Dela, acaba com tudo. Por isso exponho:
Mais que queira, não rola reconquistá-la.

Francisco Libânio,
29/05/12, 1:22 PM
Postar um comentário