quarta-feira, 24 de junho de 2009

O Dalit


Extraído de http://www.hindu.com/2006/03/22/images/2006032203240301.jpg

Esquecido na base da sociedade rígida,
Estás condenado não por crime, pior,
Condenaram-te a viver por toda a vida
Fora dos círculos, impregnado pela dor

De não ser nobre, bravo e de ter lida
Com tudo que é desumano ou for
Impuro para a gente bem nascida
Gente esta que te definiu como inferior,

Mas que é assim mesmo e na próxima
Vida, se fores bom nesta, será brando
O fardo que contigo agora esgrima.

Por enquanto, como intocável e banido
Do convívio social irás dia a dia pagando
Pelo simples mal de teres nascido.

Francisco Libânio,
26/05/09, 6:30 PM
Postar um comentário