terça-feira, 26 de outubro de 2010

Dúvidas, incertezas


Obscura realidade, futuro incerto...
As águas desse rio dão em que mar?
Se pararmos, de onde estaremos perto?
Se perguntarem, qual é esse lugar?

Dúvidas, incertezas...
E ainda querem que eu sorria
E ainda me falam de belezas
Se eu nem sei se verei o dia.

Francisco Libânio,
26/10/10, 7:46 PM
Postar um comentário